NEWS

Post Top Ad



27 de fevereiro de 2024

Homem é condenado a 18 anos após matar empresária para não pagar dívida

 

Segundo o promotor de Justiça José Junseira de Oliveira, o crime foi cometido por motivo torpe, meio cruel e com recurso que dificultou a defesa da vítima. O júri foi realizado pela juíza Janine Soares de Matos Ferraz.




De acordo com as investigações, no dia do assassinato, Everton Miranda, utilizando-se da confiança e laços de amizade que mantinha com a vítima, conseguiu atraí-la para local ermo. Lá, o réu a esganou e matou.




Ainda conforme as apurações, a motivação foi uma dívida, contraída após empréstimos que Everton Miranda possuía junto a Givanete Nogueira.




Além de matá-la para não ter que pagar a dívida, ele ocultou o cadáver em local ermo e sob uma vegetação, no Povoado do Sossego, zona rural do município de Barra do Choça. (Correio 24h)


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad