NEWS

Post Top Ad



7 de julho de 2023

Prédio desaba no Grande Recife e pessoas são soterradas



Parte de um prédio desabou no bairro do Janga, em Paulista, no Grande Recife, na manhã desta sexta-feira (7). De acordo com os bombeiros, há ao menos nove moradores soterrados nos escombros. Crianças estão entre os desaparecidos.



O desabamento ocorreu no início desta manhã, às 6h07. O prédio fica na rua Dr. Luiz Inácio de Andrade Lima e faz parte do Conjunto Beira-Mar. Segundo os bombeiros, um dos blocos desabou totalmente e outro, parcialmente.


Até as 10h, duas mulheres haviam sido resgatadas vivas. As duas sofreram fraturas. Um vídeo mostra o momento em que uma delas é encontrada sob os escombros. Não há informação sobre o estado de saúde das vítimas.


De acordo com o coronel Robson Roberto, algumas das vítimas soterradas se comunicam com os bombeiros durante a busca.



O prédio estava interditado por ordem judicial desde 2010, de acordo com a prefeitura de Paulista. No entanto, foi reocupado em 2012. Uma vistoria foi feita em 2018 e confirmou a interdição, mas os moradores seguiram no local. Não há informação se as pessoas estavam em algum programa habitacional ou se recebiam algum tipo de suporte para deixarem o local de risco.


Uma mulher que não quis se identificar disse que a irmã, Maria da Conceição, morava no edifício com os filhos.



O despachante Jailson Júnior presenciou o momento em que o prédio caiu. "Eu trabalho no terminal de ônibus do Conjunto Beira-Mar, aqui do lado. Havia pessoas soterradas lá embaixo, inclusive uma placa [de concreto] caída em cima de crianças. Está todo mundo aqui, Samu, Guarda Municipal, Corpo de Bombeiros", disse.


As buscas por vítimas seguem no local. Participam 50 bombeiros e 40 voluntários. Cães farejadores participam da operação para encontrar pessoas.


Esse tipo de prédio, que é popularmente conhecido como "prédio caixão", tem térreo e três andares e, em cada pavimento há quatro apartamentos.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad