NEWS

Post Top Ad

3 de junho de 2022

Chuvas em Pernambuco: bombeiros encerram buscas após encontrar corpo de última desaparecida; mortes vão a 128

 

A tragédia provocada pelas chuvas em Pernambuco deixou 128 mortos, a maioria deles em deslizamentos de barreiras no Grande Recife. O corpo da última desaparecida, Mércia Josefa do Nascimento, de 43 anos, foi encontrado em Camaragibe, na manhã desta sexta-feira (3), encerrando as buscas dos bombeiros por vítimas do desastre.


As equipes de resgate continuam em Camaragibe trabalhando para retirar o corpo dela dos escombros na área onde uma barreira deslizou no dia 28 de maio. O desastre, que é o segundo maior na história do estado devido ao total de vítimas, deixou 9.302 desabrigados e 31 cidades em situação de emergência.


Voltou a chover forte nesta sexta-feira (3), o que aumenta o risco de novos deslizamentos ocorrerem. Ruas ficaram alagadas no Recife, em Olinda e em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana.

Uma árvore caiu em uma avenida no bairro do Parnamirim, na Zona Norte da capital. Não houve registro de feridos ou vítimas, até a última atualização desta reportagem.


Equipes do Corpo de Bombeiros de Pernambuco, do Maranhão e de Sergipe, junto com quatro cães farejadores, participaram das buscas pelo corpo de Mércia Josefa no bairro de Areeiro. O cão labrador de cor preta chamado Zumbi localizou o corpo dela por volta das 7h30 desta sexta-feira (3).


A irmã de Mércia, a dona de casa Rute Soares Nascimento, de 49 anos, teve o corpo encontrado na segunda (30). Os dois filhos de Mércia, Mateus e Mirele, estavam com a mãe dentro de casa quando a barreira deslizou no dia 28 de maio e foram resgatados com vida. Os irmãos foram socorridos para um hospital e tiveram alta.


Na quinta-feira (2), objetos de Mércia foram encontrados no meio dos destroços. Eram fotos do casamento dela. Parentes dela disseram que também foram achados o celular e documentos dela. ()G1)



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad