NEWS

Post Top Ad

22 de março de 2022

JOVEM DA BAHIA É SEGUIDO POR ESTRELAS DO FUTEBOL MUNDIAL E BOMBA NA INTERNET; CONHEÇA A HISTÓRIA DE “LUVA DE PEDREIRO”

 

Com vídeos imitando movimentos de jogadores como Messi, Neymar, Ibrahimovic e Cristiano Ronaldo e os bordões “Receba!” e “Graças a Deus” entoados depois de cada batida na bola e o gol marcado, um jovem do interior da Bahia está bombando na internet. Iran Santana Alves, o “Luva de Pedreiro”, de 20 anos, tem milhões de seguidores nas redes sociais e registra diariamente milhares de acessos de vídeos gravados num campo de terra batida no pequeno município de Quijingue.


Morador do povoado da Tábua, o jovem é seguido por centenas de famosos e vem recebendo mensagens de jogadores como os atacantes Richarlison, do Everton, da Inglaterra; e Hulk, do Atlético Mineiro. O filho Cristiano Ronaldo o imitou em uma das comemorações. Nesta segunda-feira (21) foi a vez de Serge Gnabry, atacante do Bayern de Munique, da Alemanha.


O jogador cobrou e converteu um pênalti durante um desafio com um colega de equipe, no centro de treinamento, e imitou a comemoração de Luva de Pedreiro. As imagens da brincadeira foram compartilhadas nas contas oficiais do Bayern de Munique. Com isso, o baiano conquistou milhares de novos seguidores nas últimas horas.


PUBLICAÇÃO COMPARTILHADA POR NEYMAR

Milhares de seguidores foram conquistados também no início deste mês, quando uma publicação sua foi compartilhada pelo atacante Neymar. Na gravação, Iran está vestido com uma camisa do astro do Paris Saint-Germain e, após marcar mais um gol, o jovem se dirige à câmera, tira a camisa e fala: “Golaço! Neymar! Respeita nós, aqui é do Brasil. Para você, Neymar Jr., meu parceiro”.



Na sequência das imagens, “Luva de Pedreiro” faz a tradicional comemoração “Siu”, de Cristiano Ronaldo, e emenda com seu bordão “Receba”. Após Neymar ter compartilhado seu vídeo, Iran foi à loucura. “Juntos sempre! Feliz demais. Obrigado, você é magnífico”, escreveu o baiano na época.



Em vídeo publicado abaixo pelo PIMENTA, o jovem relata que começou a jogar futebol aos cinco anos de idade e sempre teve o sonho de tornar-se jogador profissional. Como não conseguiu, depois de adulto decidiu produzir vídeos para postar nas redes sociais. O baiano relata também como surgiu a ideia de usar as luvas para fazer as jogadas e gols no campo de terra batida, cheio de buracos. A história é contada no vídeo 2. Na gravação um, a conhecida comemoração.

VEJA VÍDEO





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad