NEWS

Post Top Ad

16 de julho de 2022

Hospital encaminha lista à Polícia com 44 pacientes atendidas por anestesista

 

Após a Polícia Civil do Rio de Janeiro indicar que mais 30 possíveis casos de estupro de pacientes do médico anestesista estão sendo investigados, o Hospital da Mãe, em Mesquita, na Baixada Fluminense, entregou à Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) de São João de Meriti uma lista com 44 pacientes que foram atendidas pelo médico na unidade.


Até o momento, seis possíveis vítimas prestaram depoimento, sendo uma do Hospital da Mãe e outras cinco, no Hospital da Mulher Heloneida Studart, em São João de Meriti, onde Giovanni foi flagrado em vídeo abusando de uma grávida.


A Polícia ouviu, até o momento, 15 testemunhas que estiveram com o anestesista em cirurgias realizadas nos últimos dias. Profissionais que gravaram a filmagem que repercutiu também estiveram com a Polícia para prestar depoimento.


De acordo com a delegada Barbara Lomba, titular da Deam, serão pedidos relatórios aos Hospitais de todo o período que o anestesista atuou na profissão.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad