Bahia: Itabunense criador da pirâmide “D9” foi preso em Dubai. Ministério Público tenta extradição

Danilo Santana foi preso com base em mandado expedido por uma comarca na região metropolitana de Porto Alegre (RS). Outro suspeito de participação também foi preso.

O Ministério Público do Rio Grande do Sul (MP-RS) trabalha pela extradição de Danilo Santana, apontado por investigação policial como chefe de um esquema de pirâmide aplicado no Rio Grande do Sul e na Bahia, e preso em Dubai, nos Emirados Árabes, no final de fevereiro. 
O nome de Danilo foi incluído na difusão vermelha, lista de procurados pela Interpol, devido a um pedido de prisão preventiva determinado contra ele pela Vara Criminal de Sapiranga, cidade na Região Metropolitana de Porto Alegre, onde o grupo atuava com mais força, segundo a polícia.

O pedido de prisão foi revogado devido a problemas com a remessa dos documentos ao país árabe. No entanto, a decisão foi revista, como explica o promotor de Sapiranga Sérgio Cunha de Aguiar Filho. “Consegui reverter a decisão e manter a prisão, através de recurso”, conta. A decisão pela manutenção da prisão saiu na tarde desta terça-feira (17). 

Além disso, Cunha comenta que estuda como garantir a manutenção da prisão de Santana nos Emirados Árabes até sua volta ao Brasil, além de dar prosseguimento ao trâmite burocrático exigido pelas leis de colaboração internacional para extraditar Danilo.

0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

O site oficial de Buerarema - Bahia

O site oficial de Buerarema - Bahia