Brasil - "Não salvamos a mulher por dois minutos", diz homem que ajudou no resgate de avião

Um dos primeiros a chegar ao local do acidente com a aeronave que levava o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Teori Zavascki e outras quatro pessoas, o empresário Elias Ramos Lima contou que por muito pouco não conseguiu salvar uma das vítimas.

Segundo Lima, ao chegar próximo à Ilha Rasa, em Paraty, no litoral do Rio de Janeiro, equipes do Corpo de Bombeiros já estavam na água. Ele pegou um barco e foi até o local onde estava a aeronave. Dentro do avião, uma mulher pedia por socorro. 
"Eu vi a mão dela. Ela estava viva; batia na janela do avião", lembra Lima, que tem uma pousada e um restaurante na ilha. "Abrimos um buraco na fuselagem [do avião] e passamos uma mangueira de oxigênio, mas ela não respondeu mais. Por dois minutos não salvamos ela", lamenta.
Teori estava no avião que caiu no mar perto da cidade de Party, hoje à tarde. O Corpo dos Bombeiros confirmou a morte. A aeronave de pequeno porte partiu do Campo de Marte, em São Paulo, às 13h, com destino à cidade fluminense. Além do ministro, outras três pessoas estavam no avião e também faleceram. Os corpos ficaram presos às ferragens da aeronave, que ficou quase inteiramente submersa no mar.

Na madrugada desta sexta-feira (20), o corpo de Teori e de outras três vitimas foram resgatados e encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML) de Angra do Reis, onde serão periciados. O corpo de Bombeiros retomou na manhã de hoje as buscas pelos corpos de outras duas pessoas que ainda estão na aeronave. 

0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

O site oficial de Buerarema - Bahia

O site oficial de Buerarema - Bahia