Bahia - Classe de baianas de acarajé é registrada como profissão no Ministério do Trabalho

As baianas de acarajé poderão se registrar oficialmente no Ministério Público do Trabalho (MPT) como profissão. O estudo técnico foi finalizado e a classe foi incluída na Classificação Brasileira de Ocupações (CBO), documento que reconhece e descreve as características das ocupações do mercado de trabalho brasileiro. 

Só em Salvador, cerca de 3.500 profissionais devem ser beneficiadas. As baianas já são reconhecidas como Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil pelo Iphan desde 2005. 

Agora, as baianas poderão assumir a identidade profissional para tirar documentos como RG, e passaporte, ou se cadastrar como microempreendedor individual. O secretário executivo do Ministério do Trabalho, Antônio Correia e o deputado Benito Gama confirmaram a informação.

VEJAM IMAGENS AQUI

0 comentários:

Postar um comentário

O site oficial de Buerarema - Bahia

O site oficial de Buerarema - Bahia